Cuidado com Hacker que estão usando torrents de Game of Thrones

A oitava e ultima temporada de Game Of Thrones  está disponível a estrear na TV  e com grande expectativa para se despedir do programa  muitos espectadores têm explorado a episódios pirateados para ver ou reconhecer a série. A questão é que os downloads ilegais tem causado dor de cabeça para muita gente. Uma pesquisa divulgada pela empresa de segurança Kaspersky confessou que, apenas no ano passado 20,9 mil internautas tiveram seus computadores contaminados por Malwares ao baixar torrents de episódios de Game Of Thrones. A série, sozinha, foi responsável por 17% de todo o assunto pirata atingido em 2018.

Hackers usam torrents de Game of Thrones para espalhar malwares


Conforme a pesquisa, Game Of Thrones é a série mais utilizada por hackers para difundir(-se) Malwares. Logo depois vem The Walking Dead e Arrow. O duvidoso é que Game of Thrones ficou no começo da lista mesmo em um ano em que não foram exibidos episódios novos — a última temporada lança dia 14 deste mês.

A Kaspersky indica ainda que o primeiro e o último episódios das temporadas de Game of Thrones são mais inclinados a conter códigos ou programas noviços, atingindo um grande público de usuários. O episódio “ganhador” de Malwares é exatamente o primeiro da série, “Winter is Coming”. Ao longo de dois anos, os pesquisadores da empresa descobriram 33 tipos e 505 famílias desiguais de ameaças por trás dos episódios de Game of Thrones.

Os números da  Kaspersky, exibem que no total, 126 mil de internautas foram alvos de Malwares ao instalar episódios de séries de TV ano passado. No Top 10 das séries mais visados por hackers estão também SuitsVikingsThe Big Bang TheorySupernaturalGrey’s AnatomyThis is Us e The Good Doctor.

Fica então o aviso, tomem muito cuidado onde você assiste ou baixa não só o Game Of Thrones, mas qualquer outra série ou filme, claro que o sugerido é sempre assistir e baixar a partir dos sites oficiais das gravadoras,  pois além de não estar fortificando a pirataria você terá a certeza de que o link é confiável.

Fonte: KASPERSKYLAB


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *